Canal de Entretenimento, filmes, lançamentos, trailers de cinema, notícias, trailers de jogos, programas de televisão, jogos pc, xbox, playstation.

Resumo de Éramos Seis: Escorraçada pelos filhos, Lola se abriga em asilo

0

Desprezada e humilhada, Lola (Gloria Pires) precisará se abrigar no asilo de madre Joana (Nicette Bruno) no capítulo desta terça-feira (24) de Éramos Seis. A viúva não se adaptará ao pequeno apartamento de Isabel (Giullia Buscacio) e anunciará à família que vai se recolher ao pensionato de freiras para não incomodar mais ninguém.

Irritada com a presença da sogra, Soraia (Rayssa Bratillieri) convenceu Julinho (André Luiz Frambach) a despachar a dona de casa para uma temporada com a sua irmã em São Paulo. A mulher de Felício (Paulo Rocha) receberá a mãe de braços abertos, mas mesmo assim a matriarca interpretada por Gloria Pires se sentirá um estorvo.

O retorno da doceira para a capital paulista também vai deixar Inês (Carol Macedo) com os nervos à flor da pele. A enfermeira morrerá de medo de que a antiga vizinha bata os olhos em León e perceba que a criança é bastante parecida com Alfredo (Nicolas Prattes) –ela esconde de todos a paternidade do menino.

JOÃO MIGUEL JUNIOR/TV GLOBO

A atriz Nicette Bruno entra na reta final do remake de Angela Chaves como a religiosa Joana

Casada com Lúcio (Jhona Burjack), a profissional da saúde armará para que Afonso (Cássio Gabus Mendes) não se reencontre com a protagonista do remake de Angela Chaves. Apesar de saber que a cozinheira está por perto, ela deixará o dono do armazém viajar em busca da irmã de Clotilde (Simone Spoladore) no Rio de Janeiro.

Enquanto isso, o personagem de André Luiz Frambach pagará caro por desprezar a própria mãe. Até mesmo Assad (Werner Schünemann) alertará o genro sobre a sua submissão à megera vivida por Rayssa Bratillieri.

O capítulo terminará com Lola de malas na mão, recepcionada por Joana na porta de sua obra social. Durante o seu exílio voluntário, ela contará com a amizade de Tereza (Irene Ravache) para tornar o passar dos seus dias menos solitário e melancólico.

As cenas serão usadas pela autora da história para pregar uma peça nos telespectadores, já que são bastante parecidas com o final aterrador do livro original de Maria José Dupré (1898-1984).

Dessa vez, porém, Gloria Pires quebrará a maldição que se arrasta há 77 anos quando Lola finalmente ter o seu final feliz ao lado de Afonso.

Fonte: Notícias da TV

Comentários
Carregando...